Adriano Antonio Pereira
O coração que carrega
CapaCapa TextosTextos FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


Conflito

imagem: Free-Photos / Pixabay


Não existe poesia,
quem me dera,
no mundo contemporâneo:

neste mundo de sofreguidão,
sem ânimo.

A poesia não nasce do nada,
digo que não exista
assim crua
ou atilada.

Por isso não existe poesia
sem valor, sem apreço,
realmente
alguém se importa
com seu preço.

Poesia é assim,
nasce porque tem que nascer:
inspirada, espantada, revoltada,
questiona nosso prazer
absoluto,

o nosso redor oculto,
onde não existe, infelizmente,
a poesia,

quem dera se existisse
a escutaria,

e punha-me a contemplá-la.
Adriano Antonio Pereira
Enviado por Adriano Antonio Pereira em 11/10/2018
Alterado em 11/10/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários